terça-feira, 3 de junho de 2008

Caso dos Aflitos

Notícia nos "media", internet e etc...
Não escrevi nada antes, pois estava dando um tempo para ver o que acontecia.
Vou começar do começo...
O que aconteceu foi lamentável, horroroso, mais um episódio para marcar nossa história futebolística que, diga-se de passagem, não vive grandes momentos.
O André Luís foi expulso justamente, isso ninguém pode contestar, só o louco do presidente do Botafogo tem a coragem de dizer o contrário.

Para começar o André Luís estava exaltado o jogo todo, parece que levou um choque de 330v antes de entrar em campo.
Aí é expulso e vai para onde? Para o banco de reservas. Todo mundo, mas TODO MUNDO sabe que jogador expulso tem que ir para os vestiários, balneários, chuveiro....
Então porque o jogador tem que ir para o banco? Para causar confusão, claro. Aí o 3º árbitro tem que ir chamá-lo, chamar a PM para acompanhar e vira aquela confusão.
O nosso amigo André Luís, não se contendo de apenas ir para o banco, faz gestos obcenos a torcida.
Aqui entra o ponto 2.
Para quê mostrar o dedinho para a torcida?
Para ser "mauzinho"? Onde está a sua educação Sr. André Luís? Pelos vistos, não existe.
Agora entra todo o "Xis" da questão.
A PFem (Policial Feminina) vai até o banco de reservas solicitar ao "mauzinho" para ir para o vestiário.
Daqui para frente é tudo uma incógnita.
André Luís xingou mesmo ela? Até agora é a palavra dela contra a dele.
A PFem nunca poderia dar voz de prisão para André Luís pelo simples fato dele ter "mostrado o dedinho" para a torcida, caso contrário metade dos jogadores de futebol seriam presos.
Agora se ele a xingou, aí sim, desacato e desrespeito a autoridade. Se ela deu voz de prisão e ele resistiu, aí meu amigo, Se Fu...
Mas vamos falar da parte que podemos ver pelas imagens da TV.
Foi uma batalha campal. Agressões, tapas, socos, chutes, empurrões.
Se for ir pelo lado da agressão, 4 ou 5 jogadores do Botafogo teriam que ser presos também.
Aí a diretoria do Náutico, em uma atitude ridícula, manda trancar o vestiário do Botafogo.
Agora eu pergunto, POR QUÊ? Para causar confusão certo?! Qual o intuito disso?
Aí o Comandante da PM foi meu herói!! Juro, para mim ele superou o Capitão Nascimento e todo o BOPE junto... Arrastar o “mauzinho” imobilizado, pelo portão da torcida, ele foi muito ninja. Ele se achou O Rambo não?! Agora eu pergunto, e se os torcedores resolvessem atacar de verdade a PM para pegar o “mauzinho”? A PM não dava conta.
Nessa hora, entra quem? Sempre um dirigente que se acha com todo o poder do mundo para livrar o jogador, o Sr Bebeto de Freitas, presidente do Fogão.
Partiu pra cima. Resultado? Além da coça (hehehehe) foi preso.
No final de tudo, “mauzinho” foi liberado, vai pagar uma multa de 25 salários mínimos em cestas básicas ao hospital do Câncer, aqui tiro meu chapéu para a PM, PARABÉNS!
Já o presidente do fogão recusou-se a fazer acordo, e o caso tramita na justiça.
Agora o STJD-Palhaçadas entrou na jogada. O “mauzinho” pode pegar até 25 jogos de suspensão, o Botafogo vai responder por ter atrasado 10 minutos o retorno para o 2º tempo, rende apenas pena financeira. Já o Náutico, se deu mal, vai responder por dois artigos, 211 e 213 (segurança no local do evento e deixar de tomar medidas capazes de reprimir ou prevenir desordens) esse último o mesmo que enquadrou o Palmeiras, o que pode acarretar penas ao Náutico de R$ 1 mil a R$ 10 mil pelo primeiro e de R$ 10 mil a 200 mil pelo segundo artigo, fora a perda de 1 a 10 mandos de campo.
Depois de tudo isso quero chamar a atenção para alguns pontos.

1) Será que a PFem não tomou as dores da torcida e deu voz de prisão sem necessidade?

2) Por que André Luís não foi algemado? Se fosse eu ou você, certeza que teríamos sido.

3) Por que ele foi solto se foi pego em flagrante? Afinal foi agressão, resistência a voz de prisão, desacato.

4) Por que Bebeto de Freitas também foi solto? Idem André Luís.

5) Precisava da PM ter feito aquilo tudo?

6) Precisava do Botafogo ter reagido daquela maneira?

7) Precisava do Náutico ter trancado os vestiários?

São vários fatores que juntos criaram toda a confusão.
Lembre-se que esse mesmo estádio já foi palco de outra batalha campal.
Lembre-se que André Luís veio para o Botafogo porque o Cruzeiro o afastou, e por quê? Por conta de confusões.
Mistura explosiva dá nisso...

PS.: Vamos ver o que o STJD vai fazer. Quero ver agora se vão usar do mesmo critério com que usam contra o Palmeiras.

0 comentários: