quarta-feira, 27 de maio de 2009

Knowing - O Presságio

Ontem assisti ao filme Knowing (O Presságio aqui no Brasil) com Nicholas Cage (John Koestler), Chandler Canterbury (Caleb Koestler), Rose Byrne (Diana Wayland) e Lara Robinson (Lucinda Embry / Abby Wayland).
O filme tem cerca de 121 minutos e alguns efeitos especiais. Nada de cameras lentas e/ou personagens voando.

O filme conta a história de uma capsula d'o tempo que, após 50 anos lacrada é aberta na escola de Caleb, sendo que este recebe de "presente" da capsula uma carta escrita por Lucinda Embry, uma estranha garota.
A carta continha uma sequência de números que intrigam John. Daí para frente, ele fica obsecado pelos números e as revelações que eles fazem...

Com um roteiro interessante (para quem gosta do gênero) e situações que vão fazendo o espectador ir raciocinando junto com o filme, é uma boa pedida para uma noite tranquila em casa.
Conta com algumas cenas um pouco mais fortes, mas nada que cause ataques cardíacos.
A história vai desenrolando-se naturalmente desde a abertura da capsula até o momento em que o governo Americano anuncia o que está acontecendo, daí para frente surgem algumas situações que para os mais atentos pode fazer o filme perder pontos.
Ficamos sem saber o que está sendo anunciado nos noticiários americanso e o que os outros países do mundo estão anunciando.
Em determinado momento John toma a decisão de ir para um local simplesmente do nada e sem ser mostrado isso no filme, pois quando vemos ele já se encontra com sua caminhonete "mato a dentro" em busca do filho.
Achei o final um pouco previsível, talvez por já ter visto milhares de filmes, mas gostei de como concluíram.
Um bom filme para uma terça-feira a noite, para um sábado precisa mais, eu sou suspeito, como adoro filmes, 99% deles me divertem.

PS.: Domingo assisti a Efeito Borboleta 3. Irei escrever um post sobre ele. Gostei bastante, melhor que o 2.

0 comentários: