sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Fórmula 1 - Nesinho Piquet

Como entusiasta da F1, não poderia me abster de dizer algo sobre Nelson Piquet Jr, o Nelsinho Piquet.

O Brasil tem uma história muito bonita na F1, visto que somos o segundo colocado em número de títulos (8) e o segundo em número de campeões (3, Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna), além de termos o 7º e o 8º campeões da história (do 4º ao 8º todos com 3 títulos).
Vimos pilotos como Emerson Fittipaldi, Ayrton Senna e até mesmo Nelson Piquet ostentarem nossa bandeira no lugar mais alto do pódio, sendo campões do Mundo da F1.
Para então, surgir Nelson Ângelo Tamsma Piquet Souto Maio, ou simplesmente, Nelsinho Piquet, filho do tri campeão Nelson Piquet.
Brasileiro? Não por nascimento amigos, pois ele nasceu onde? Na Alemanha, em Heidelberg.
E para que ele se naturalizou? Para nos envergonhar perante todo o mundo.
O Sr. Juca Kfoury escreveu na folha de hoje: "Atirem a primeira pedra", fazendo uma alusão a quem nunca tenha errado.
Mas peraí, ele chama o que Nelsinho Piquet fez de erro?
Ele aceitou bater DELIBERADAMENTE para obrigar a entrada do safety car para beneficiar seu companheiro de equipe, Fernando Alonso.
Será que, em algum momento, ele pensou no que poderia resultar o seu ato?
Ao bater, ele poderia ficar no meio da pista, ou no caminho de outro carro, o que poderia causar um acidente gigantesco, causando até a morte de algum piloto ou dele mesmo.
Ele não foi HOMEM ao dizer não ao seu chefe. Sr. Juca, se o seu chefe lhe pedir para escrever um artigo contando uma mentira para beneficiar alguém o Sr o fará?
Depois de ter feito, desculpem, a cagada, achou que garantiria o seu posto na equipe. Eis que após ser demitido por INCOMPETÊNCIA, joga a merda todo no ventilador. E para livrar o seu, faz um acordo, que na justiça se chama delação premiada. Trocando em miúdos, você entrega todo mundo em troca de sua absolvição. Nelsinho não foi HOMEM pela segunda vez.

Hoje a FIA divulgou a telemetria do carro de Nelsinho naquela prova. Comprovou-se que o piloto acelerava, e muito, no momento da batida, ou seja, a farsa está provada e comprovada.

De todos os jornais e site que li até agora, apenas o querido Quartarollo está batendo a brava em Nelsinho, com toda razão, pois todos os outros estão "passando a mão" na cabecinha do menino mimado. Hoje, Quartarollo fez um ótimo post, que completa o meu.

Nelsinho tenho duplo nojo de você. Primeiro pelo que fez, segundo por ter sujado nossa pátria amada perante o mundo.

0 comentários: