segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Vitória 3 x 2 Palmeiras

Apagão.
Assim podemos definir este jogo que não comentei ontem para não chingar todos.
Nosso Palestra entrou com:
Marcos;Danilo, Maurício, Marcão; Wendel, Souza,Edmilson, Cleiton Xavier, Armero; Vagner Love, Obina.

Como muitos eu discordei da escalação. Primeiro porque o Marcão, para mim, não merece nem estar no banco do Palmeiras, quanto mais ser titular. Segundo, não era jogo para 3-5-2.
Deveria ter entrado no 4-4-2, com o Sacconi no meio de campo, Marcão ficaria no lugar dele (banco) ou, como sugeriu o Conrado, jogar com 3 volantes mesmo no 4-4-2, com Sandro Silva no lugar do Marcão (mais uma vez ele fora).
Terceiro que no intervalo, eu tiraria Vágner Love e entraria com Ortigoza.

Do nosso Santo a Obina, exceptuando Souza, todos dormiram. Não estavam ali, não retribuiram o carinho que a torcida deu ao time.
Foi, sem dúvida, a pior partida do Palmeiras nesse Brasileirão. Edmilson errou horrores, CleitonX estava perdido.

Não vou comentar o primeiro gol em respeito ao que nosso Santo fez pelo nosso manto. Ainda tem créditos.
A verdade é que nosso Palmeiras levou cerca de 20 minutos para se recuperar. Time campeão não demorar isso tudo, aliás, não pode nem se abater, levar um gol é normal, ainda mais em um lance onde a sorte não "piscou" para nós também. Time campeão tem que esquecer o placar, partir pra cima, impor o seu futebol e fazer 1, 2, 3 e etc...

Depois disso, ainda contamos com outro vacilo do nosso Santo, ao repor mal uma bola. Aqui não é novidade, sabemos que nosso Arqueiro joga com os pés 1% do que joga com as mãos.
Ainda tem crédito.

Robert entrou muito bem no time, sinceramente, estou começando a querer ver um ataque com Robert e Vagner Love (em forma, viu filhão!).
Robert, 20min após entrar deixou o seu, em um lance bonito, bem trabalhado, Armero driblou o zagueiro e cruzou com categoria na cabeça de Robert que deixou seu primeiro gol com nosso manto. 1 x 1.
Aqui abro um parênteses, Armero fez um lindo lance e um levantamento perfeito, mas foi só isso, sendo assim, ainda não está servindo para ser nosso lateral. Fazer UM cruzamento bom em todo um jogo, é muito pouco para um profissional da bola.
Depois disso Love poderia ter feito o gol da virada, mas no cabeceio foi certeiro... em cima do goleiro. Love, filhão, "cabeçadas" para os cantos do gol ou para o chão!!!!!

Muricy voltou do intervalo com Sandro Silva no lugar de Maurício. Nessa hora ainda comentei com minha irmã: "Agora o Palmeiras perde..."
E foi dito e feito, em uma bola perdida no ataque, o vitória desceu com tudo pela esquerda, Sandro Silva foi infantil, levando o drible, o cruzamento na área passou por todos, Roger concluiu pior que minha avó o faria, a bola novamente cruzou a área, CleitonX trombou com Wendel, Wendel literalmente "catou cavacos" (sempre ele por quê? não é implicancia), Berola errou o chute a bola pegou na trave e foi para o fundo. 2 x 1.
Até que, finalmente, Muricy acordou no banco e tirou Wendel (finalmente!) e colocou Ortigoza. Aí o Palmeiras cresceu!
Mas sabe aquela noite em que tudo dá errado? Pois é.
Vamos aos fundamentos básicos. Escanteio na esquerda, quem bate é destro, para a curva ser por dentro do campo. Escanteio na direita, quem bate é canhoto, pelo mesmo motivo do outro lado.
Eis que Ramón, destro, cobra o escanteio na direita, a bola não se sabe como, fez a curva em cima da linha (onde está o tira-teima da Globo nessas horas? Será que essa bola não saiu?) quase marcando um gol olímpico, Marcos tira a bola e a mesma fica "pipocando" na área.
Eis que Edmílson, com toda sua experiência e categoria vai tirar a bola de bicicleta... e erra.
Preciso dizer o que aconteceu? Vitória 3 x 1 Palmeiras.
Aqui já era tarde e o Palmeiras foi com tudo, mais uma vez.
Ortigoza fez um cruzamento "açucarado" e Robert mais uma vez de cabeça deixou o seu. Vitória 3 x 2 Palmeiras.
Então a bola do jogo caiu para Ortigoza, que tinha feito tudo certo, um lance impossível de fazer outra coisa, se não o gol, e ele escorou de cabeça para ninguém no meio.

Não li a imprensinha hoje e não vou ler essa semana, apenas os títulos. Pois como sabem, toda a imprensa é bambi e estão sugerindo que nosso time é um cavalo paraguaio e que o bambi está chegando. Duvidam? Vejam aqui no Seo Cruz.

Os palmeirenses mais nervosos já vão achar que o título escapou, que já era e etc.
Derrotas são previsíveis, a imprensa é toda bambi e pega no pé.
Teremos dez dias para treinar, o que acho muito, para acertar tudo, para o Sr. Vagner Love se preparar e voltar a jogar bola. Contra as marias, teremos DS, e tomara que CleitonX volte a jogar bola.

Muricy tem muitos dias para acertar esse time. Eu havia comentado aqui que do jogo contra o Barueri até o jogo contra o Santos, deveríamos perder pontos, nas minhas contas seriam quatro (empate com Cruzeiro e Santos), pois depois temos uma sequência de 8 jogos (Avaí até Sport) que no primeiro turno ganhamos os oito, sendo assim, arrancaríamos para o título, basta nos mantermos bem até lá.

Ganhar do Cruzeiro virou obrigação, para compensar a derrota contra o Vitória.

Notas:
Marcos: Tem crédito, hoje - 3.
Maurício: estava bem, gostei do futebol dele - 8.
Danilo: foi bem também - 8.
Marcão: Não gosto dele definitivamente - 3.
Wendel: Foi Wendel, a culpa não é dele, mas sim de quem o contratou - 1.
Souza: Perfeito! 10.
Edmilson: Quem? 1.
CleitonX: Não foi nosso 10, sentiu falta do DS? Ou vai oscilar assim sempre? 3.
Armero: Se continuar assim, precisamos de outro - 1.
Obina: s/n.
Vagner Love: Errou tudo o que tentou, até o cabeceio foi no meio do gol, vamos aguardar estar 100%, tem que ser contra o Cruzeiro - 3.
Robert: ao lado de Souza, foi o homem do jogo, fez tudo - 10!
Sandro Silva: Péssimo - 2.
Ortigoza: O pouco que jogou, jogou bem. Pena que perdeu o gol no final - 5.
Muricy: fora a demora para entrar com Ortigoza, no resto até apoio o que fez - 6.

Chuteira de Ouro: Souza

0 comentários: