quinta-feira, 20 de maio de 2010

Mais um dia...

Infelizmente agora é assim... Cada dia uma conversa nova, um nome novo, um não aqui, um talvez ali e o Palmeiras vive na incerteza.
Os fãs de Belluzzo que me desculpem, mas ainda bato na tecla que a culpa é dele. Talvez indiretamente por ter dado muita autonomia ao Sr. Cipullo, mas no final, a culpa volta para ele.
Mas, vamos mudar de assunto porque falar de política é um saco.

Alguns boatos dão conta de que o Banif (Banco Internacional do Funchal), banco portugues, estaria com um plano financeiro para colocar Felipão no Palmeiras. Afim de reforçar sua marca no Brasil e fazer dele O banco dos portugueses no Brasil.

Tudo indica que Felipão já aceita voltar ao Brasil, e para o Palmeiras. O Lance, que não podemos confiar muito, noticiou que ele já considera essa hipótese, porém, somente após a Copa.
Particularmente, eu não acredito na volta de Felipão, nem Kléber, muito menos Valdívia.


O interino, Parraga, treinou o Palmeiras com: Marcos; Vítor, Léo, Leandro Amaro e Gabriel Silva; Edinho, Souza, Márcio Araújo e CleitonX; Ewerthon e Paulo Henrique.
Eu não gosto dessa escalação. A zaga está beleza, mas vemos nosso meio campo novamente com 3 volantes. A não ser que Márcio Araújo tenha libertadade, iremos jogar, mais uma vez no 4-3-1-2. Márcio Araújo não tem qualidade de passe, cabeça para armar um time e digo isso porque CleitonX não pode ficar isolado, como único meio de ligação entre o meio e o ataque. Sei que não temos outro para o lugar, visto que Lincoln está se recuperando e ainda não é certeza, mas eu gostaria de vê-lo no lugar do Márcio Araújo.

Como eu tinha dito ontem, tudo indica que Adílson Batista não será demitido do Cruzeiro. O que seria um grande erro da diretoria deles. Para mim, a culpa da derrota de ontem deve-se ao fato da expulsão de Kléber. Foi exagerado? Para mim foi, mas o árbitro vem para o jogo com conhecimento dos jogadores, sendo assim, Kléber pagou pela fama de batedor, apenas isso.

É como eu venho dizendo, dificilmente Felipão venha (eu não acredito), vamos ver o Palmeiras ser treinado por outro técnico meia boca.
Quero deixar uma pergunta: Por que em momentos de crises, a diretoria do Palmeiras sempre solta nomes como Felipão, Valdívia e Kléber? Pensem nisso...

0 comentários: