quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Atlético-MG 1 x 1 Palmeiras

Anotem esse nome: Marcelo de Lima Henrique. O safado responsável por voltar o pênalti já marcado e por cair na enganação do cai cai Obina.
O Palmeiras dominou o Atlético-MG até o momento em que Valdívia, mais uma vez, sentiu a fibrose e teve que sair de campo. Momentos após a saída do nosso Mago, o Atlético também perdeu seu craque, Daniel Carvalho, o que tornou o jogo meio fraco, com leve superioridade do Palmeiras.
Para o segundo tempo, Dorival Jr ERRONEAMENTE tirou Neto Berola, que atentava nossa defesa para colocar Obina. O Palmeiras gostou e atacou até achar o seu gol. Kléber e Tinga tabelaram na entrada da área, Tinga tocou para Kléber dentro da área, que deixou o seu.
O Palmeiras se lançou mais ainda ao ataque para sacramentar a classificação, e então, veio a roubalheira. Lincoln foi lançado pela esquerda, invadiu a área, cortou Jairo, e levou o pênalti. O Juiz assinalou, colocou a bola na marca, Kléber estava pronto para bater e então o bandeira chamou o juiz, avisou que no lançamento Lincoln estava impedido (realmente estava), o árbitro então, anulou a marcação do pênalti e deu o impedimento. Ficamos com a impressão de que o ponto eletrônico foi usado para avisar sobre o impedimento. Pois o lance na TV mostra que o bandeira NÃO ASSINALOU o impedimento, inclusive ele correu junto com a jogada (acompanhando a jogada), posicionou-se para a cobrança de pênalti e só depois de 1 minuto, "lembrou-se" do impedimento. Um absurdo que só acontece com o Palmeiras.
Depois disso qualquer coisa que acontecesse seria café pequeno, mas eis que o juiz não estava satisfeito, e em bola levantada na área para Obina, após "sacar" que não alcançaria a bola, Obina tromba com Márcio Araújo, cai no chão e o ladrão dá pênalti. Gol de Obina.
Depois disso, Dorival Jr ainda colocou Diego Preguiça Souza, que fez 1 lance interessante, muito bem defendido por Deola, e foi só.

Não foi tão ruim para o Palmeiras, pois temos a vantagem desse gol fora, MAS poderia ter sido melhor.
Valdívia não jogará pelo Brasileiro, para curar sua fibrose e fazer o jogo de volta contra o Patético.

Atuações


Deola: pegou tudo! Cada dia mais firme, mais confiante - DEZ!
Marcio Araujo: PÉSSIMO - ZERO
Danilo: não joga bem por ali, não conseguiu marcar o Neto Berola, foi mediano - 6.
Fabrício: titular absoluto e mais nada - 9.
Gabriel Silva: foi um jogo fraco, ficou preocupado em marcar e não marcou e não atacou - 4,5.
Edinho: ficou preso na marcação do Daniel Carvalho, o que fez muito bem - 7.
Marcos Assunção: foi fraco nesse jogo, não cobrou bem as faltas. Precisa começar a inverter as cobranças pois os goleiros já estão malandros - 4.
Tinga: começa a melhorar. Tem que se firmar mais no ataque, que fluiu melhor com ele - 7,5.
Valdívia: S/N
Luan: PERFEITO - 9,5
Kleber: não se perde um gol como o que ele perdeu aos 6 do primeiro tempo. Ficou no bolo dos zagueiros, mesmo tendo deixado o seu, não foi uma grande partida - 6,5.
Lincoln: não chega aos pés do Valdívia, fez uma jogada que prestou e foi anulada - 3,5.
Pierre: melhor jogo dos últimos tempos, acabou com Diego Souza - 7,5.
Felipão: como venho dizendo, conhece o time muito bem já. O novo posicionamento de Luan foi perfeito. Faltou o apoio do Gabriel Silva. Foi muito bem na escalação - 7,5.

Luva de Ouro: Deola

Continuar lendo -->

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Resumão!

Palmeiras 0 x 1 Gambás.
Foi horrível. Não jogamos nada, não fizemos nada e para completar Valdívia no banco?
Não tenho ânimo nem para comentar o jogo. Passou, ponto final.

Hoje tem Patético-MG x Palmeiras pela Sul Americana. O time deles com a desculpinha de priorizar o brasileiro, aliás, priorizar não, tentar não cair no brasileiro vem com um time misto, ou seja, uns franguinhos e umas franguinhas.
Temos que ir para cima e ganhar nem que seja de 1 x 0 com gol de mão impedido. Precisamos salvar a década ganhando algo realmente importante. Vencer essa Sul Americana pode salvar o Palmeiras de ter um 2011 pífio como vem sendo nos últimos anos.
Meu palpite, Patético-MG 0 x 2 Palmeiras.

Continuar lendo -->

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Palmeiras 3 x 1 Sucre

Será que, bem lá no fundo, algum boliviano acreditava? Penso que não. Os jornais de lá estampavam manchetes colocando o Palmeiras como um monstro, como um time Gigantesco perto do Sucre. (Ok eles não erraram muito). Mas eles vieram para tentar, e tentaram, mas só tentaram.
O Palmeiras veio com tudo, e com a surpresa, com a número 14... VAAAAAALDÍVIA!
El Mago jogou muita bola. O Palmeiras jogou quando quis e do jeito que quis. Gabriel Silva foi monstro.
Análise do jogo? Não tem porque, o jogo foi de um único time, o Palmeiras. Fez 2 gols antes do esperado, se acomodou, levou o gol, acordou, partiu pra cima e fez outro.

Atuações


Deola: saiu mal, por cima, em 99,99% das bolas. Se foi por conta da iluminação, não sei... 6.
Márcio Araúo: como anda jogando mal hein!? Destoa do resto da equipe - 3,5.
Danilo: foi mediano, mas fez o gol, por isso ganha mais uns pontinhos - 7.
Fabrício: está se encaixando melhor a cada dia, no time. Jogou muito bem - 8,5.
Gabriel Silva: PERFEITO! Seria errado usar outra palavra. DEZ!
Edinho: marcou muito bem os bolivianos, matando o meio campo deles - 8.
Marcos Assunção: jogou na boa, bateu faltas muito bem e escanteios também - 8.
Tinga: não é, ainda, um craque, mas começa a melhorar. O chapéu foi lindo... 7.
Valdívia: El Mago voltou! DEZ!
Luan: fez o gol e mais nada. Mas também, com aquele cruzamento fica fácil não... 3,5.
Kleber: foi mediano, correu muito, brigou muito, fez um gol fácil e quase foi expulso - 7,5.
Dinei: eu, no lugar dele, teria vergonha de jogar bola - 2,5.
Patrik: S/N
Pierre: S/N
Felipão: posso dizer, com toda certeza, que hoje tem o time nas mãos. Sabe quem pode ou não jogar, quem joga melhor aqui ou ali. Conhece cada um nos detalhes. Inclusive a torcida. Não colocou Lincoln talvez para amansar El Mago (que vem sendo substituido todo jogo) e/ou para poupá-lo. Imaginem se ele se machuca? Quem entra no lugar do Valdívia se for preciso? Ainda não recebeu um DEZ desde sua volta, quem sabe no domingo? 8,5.

Chuteira de Ouro: Gabriel Silva


Agora, pela Sul Americana, temos o PAtético-MG, com Dorival Jr. e Diego Souza, preciso dizer mais alguma coisa?
Porém domingo, o maior jogo do ano, mas é assunto para outro post.

Continuar lendo -->

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Palmeiras 1 x 1 Ceará

E mais um empate, menos 2 pontos e a chance de estar melhor classificado na tabela. Com a vitória, hoje seríamos 8º, com 46 pontos, a 2 pontos do 4º colocado (Santos), a 4 pontos do 3º (gambá) e a 8 pontos do líder (as marias).
Entretanto, empatamos, caímos para 10º, com 44 pontos, a 4 pontos do 4º, 6 do 3º, e a 10 do líder.
É interessante dizer que hoje, o G3 pode voltar a ser G4, e assim, com Santos em 4º e Inter em 5º, o 6º colocado acaba sendo levado para a Libertadores.
Mas, o futebol não vive de estatísticas e, sem Kléber e Valdívia, todos nós tínhamos a consciência de que seria difícil vencer. Para ser franco, durante o jogo, e mesmo quando levamos o gol, comentei com minha irmã, que era jogo para o Palmeiras empatar, quizá perder.
Felipão tentou colocar Dinei para fazer o mesmo que Kléber, o que obviamente, não deu certo.
Acredito também que o desgaste com o jogo e a viagem a Bolívia contribuíram, e muito, para o empate.
No início só deu Ceará, que segurava bem o Palmeiras e ainda atacava. Até que Lincoln resolveu jogar, auxiliado por Rivaldo e Gabriel. Tinga e Márcio Araújo, infelizmente, não jogaram nada. Aos poucos o Palmeiras ia finalizando. Mal.
E então que aconteceu algo que começamos a nos acostumar. Falta perto da área, Marcos Assunção ajeita a meia e cobra. Claro que foi gol. Palmeiras 1 x 0 Ceará, ainda no primeiro tempo.
Assim, o Ceará voltou para o segundo tempo disposto a empatar o jogo e o Palmeiras disposto a poupar seus jogadores e não perder.
Assim, Don Felipone tirou Maurício Ramos, colocando Fabrício e depois tirou Marcos Assunção, colocando Pierre. A primeira troca, não mudou muito o jogo, mas com Pierre sem ritmo de jogo, mal fisicamente e, PARA MIM, sentindo dores ainda, acabou com o jogo. Mas, entende-se a substituição, visto que Marcos Assunção estava pendurado.
Com isso, Geraldo e Reina controlaram o meio e tudo começou a dar certo para o Ceará, pois até bola na trave conseguiram. Mas, nossa zaga ia dando conta do recado, o Ceará estava já quase aceitando o empate quando Márcio Araújo, que entrega uma por jogo, fez o pênalti mais imbecil de todos os tempos. Bola praticamente na linha de fundo, Magno Alves sozinho, Márcio Araújo solta o empurrão e ainda levanta os "bracinhos"... Obvio que o juiz não enguliu a cena. Geraldo bateu muito mal (quase pior que Kléber no jogo passado) Deola tentou adivinhar, caiu para o canto e não conseguiu. Palmeiras 1 x 1 Ceará.
Felipão, instantaneamente tirou Rivaldo e colocou Tadeu, então começou a festa do chuveirinho na área de Ceará. Quantas ganhamos? NENHUMA! Resultado? Mais um empatezinho para a conta e a chance de estarmos muito, muito perto do G4/G3.
Se alguém ainda acreditava em título, agora podemos esquecer. Vaga na Libertadores? Muito ameaçada e, talvez, mais disputada que o título. São Paulo, Atlético-PR e Grêmio, estão lutando e dando sinais de força, temos que ganhar todas, se não quisermos depender da Sul Americana, que é meio loteria, pois basta um jogo ruim para acabar com tudo. Infelizmente temos que focar na Sul Americana, que de competição mixuruca passou a ter expressão com a vaga para a Libertadores. Quarta-feira contra o Sucre, basta fazer o feijão com arroz, e depois, nas outras duas quartas, provavelmente pegaremos o Atlético-MG.

Atuações


Deola: a bola mal chegou nele. Pênalti é loteria, desta vez, não foi feliz - 7.
Márcio Araújo: PÉSSIMO! ZERO!
Mauricio Ramos: jogou só o primeiro tempo, fez bem o seu papel - 7.
Danilo: cobriu bem a direita, jogou tranquilo - 7,5.
Gabriel Silva: titular absoluto, quem diria. Pena que levou o amarelo e está fora do jogo contra os gambás. Pelo amarelo leva - 6.
Edinho: foi Edinho e só - 6,5.
Marcos Assunção: e não é que marcou muito bem e ainda fez mais um? DEZ!!
Tinga: jogou mal - 3,5.
Rivaldo: Felipão pode dizer o que quiser sobre ele, mas é o pior do time e está destoando - 1.
Lincoln: jogou bem, começa a se adaptar ao time, pena que errou a chance que teve - 6,5.
Dinei: não tenho nem palavras para mais uma contratação furada do Palmeiras. Só mais uma para a conta - 1.
Fabrício: foi bem, muito melhor que Márcio Araújo - 8.
Pierre: começo a crer que nunca mais será o monstro de outrora. Os boatos sobre o problema na planta do pé começam a se confirmar. Por que não operou? 1.
Tadeu: . S/N
Felipão: na situação atual, fez o certo. Arriscou, infelizmente, não deu certo. Mas, em virtude do jogo de quarta, e o de domingo, fez o certo. A perda de mais 2 pontos, não é culpa apenas dele - 6.

Chuteira de Ouro: Marcos Assunção

Continuar lendo -->

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Universitário Sucre 0 x 1 Palmeiras

O Palmeiras foi Palmeiras! Jogamos com raça, com sangue, com suor, com emoção, "a lá" Felipão!
Felipão foi perfeito na estratégia que fez, fomos lá para não levar gols, o empate era ótimo, a vitória então perfeita, e foi o que aconteceu!
Edinho, que seria titular, sentiu e ficou no hotel, efeitos da altitude. No seu lugar Pierre, que já não é o monstro.
O Sucre veio para cima, como era esperado, mas também acalmou-se, como era esperado. Nosso esquema foi uma marcação por zona, sem correrias, afinal 2800m de altitude é muita coisa.
E foi assim que saiu o lance da falta e Marcos Assunção fez outro belo gol de falta. Hoje, ninguém dentro do Brasil bate falta como ele. Sucre 0 x 1 Palmeiras.Fim de primeiro tempo.
No segundo tempo o Sucre veio com fome de gol e partindo pra cima. Infelizmente o Palmeiras deu todo o espaço para eles, e não levou o gol porque eles são muito fracos, porque Deola está "pegando" demais e por falta de sorte deles, sorte a nossa. Depois de uma blitz de uns 15 minutos o Palmeiras acordou e passou a tocar a bola.
E assim, com vontade, o Palmeiras fez o segundo gol. Kléber recebeu, bateu rápido e forte de canhota, rebote do goleiro e Lincoln sozinho empurrou para o lado direito do goleiro, que levou o gol. O bandeirinha achou um impedimento, onde não existia, pois o zagueiro deles estava na linha da grande área e Lincoln atrás dela. Gol legítimo anulado.
A seguir bola lançada para Rivaldo, invadiu a área, parou e levou a falta, Pênalti, para mim, claro, que o juizão caseiro mandou seguir.
Menos mal, que não levamos gol e com isso esses lances não fizeram falta.
Temos que preocupar com:
1- Valdívia sentiu a coxa direita e saiu, entrando Lincoln.
2- Pierre sentiu, saiu entrando Fabrício.
3- Maurício Ramos também saiu contundido, entrando Leandro Amaro.
4- Fabrício que desabou no final do jogo
O principal é Valdívia que precisa estar inteiro para o jogo contra os gambás.

PS.: Palpite para o jogo de volta? Palmeiras 5 x 0 Sucre.


Atuações


Deola: PERFEITO! DEZ
Márcio Araújo: se não fosse pelo gol que ele salvou, seria ZERO... 3,5.
Mauricio Ramos: normal, entregou uma, mas tá valendo - 6.
Danilo: jogou muito e tomou conta da área! 8,5.
Gabriel Silva: cada dia gosto mais dele, jogou muito - 8.
Pierre: outra partida abaixo do monstro que já foi, mas tem crédito - 5.
Marcos Assunção: ainda não gosto do seu estilo de marcar, mesmo porque não existe. Para frente, joga muito, toca bem e bate faltas que é uma maravilha - 9,5.
Tinga: partidinha para esquecer né meu filho?! 3.
Rivaldo: outro que a cada jogo melhora e se encaixa no esquema de Felipão, será que já tem lugar garantido para 2011? Ainda não, mas se continuar nessa escalação de evolução, fica - 7,5.
Valdivia: S/N
Kleber: eu venho falando... é o melhor atacante em atividade no Brasil. Esqueceu a altitude, correu, cruzou, brigou, tocou, chutou, fez tudo e mais um pouco - 9,5.
Lincoln: só não deixou o seu pelo erro do bandeira. Na área joga demais - 7,5.
Fabricio: a marcação do time melhorou claramente com a sua entrada - 7.
Leandro Amaro: S/N
Felipão: com o que tem, está perfeito! Se tivesse um grande elenco, com jogadores de mais qualidade, ganhava tudo que disputasse - 9,5.

Luva de Ouro: DEOLA

Continuar lendo -->

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Botafogo 0 x 0 Palmeiras

Mais um empatezinho para a conta do Palmeiras. Visto o jogo ter sido la no Rio, El Loco ter perdido um pênalti, e a péssima atuação no primeiro tempo, ganhamos 1 ponto.
Sim, era a nossa grande chance de estar a 4 pontos do G3, entretanto, com o empate, estamos a 6.
O jogo foi muito ruim, o primeiro tempo foi sofrível.
Kléber e Valdívia estavam muito bem marcados e não jogaram nada. Tinga, que seria o diferencial, mas não foi.
Nossa defesa vinha fazendo boas partidas mas essa foi para esquecer. Nossa defesa tentou dar o gol para o Botafogo, mas não conseguiu.
No segundo tempo, o Palmeiras voltou melhor, dominou o meio campo e o Botafogo se fechou atrás com 5 jogadores na defesa. Então Felipão fez o que a torcida sempre pede, tirou Rivaldo e colocou Lincoln. O time então melhorou? Incrivelmente NÃO! O time piorou, Lincoln se escondeu, e o Botafogo ocupou os espaços que o Palmeiras tinha tomado, passou a atacar pelas laterais e ficamos muito próximos de levar um gol.
Felipão então sacou Valdívia e colocou Dinei, ficando com Edinho atrás, Tinga e Marcos Assunção no meio e Lincoln fantasma isolado na frente, obviamente, não funcionou e Deola fez grandes defesas.
No final, o Palmeiras teve a grande chance com Dinei, que chutou prensado, dentro da área, a bola ia encobrindo Renan, que estava no movimento para pegar no chão, como um ninja ele saltou e deu um tapa na bola que tinha endereço certo. Assim, ficamos no 0 x 0.
Analisando friamente, não foi bom, mas não foi ruim. Pelo jogo, foi ótimo. Estamos no 9º lugar, 6 pontos do G3 e a 11 do líder, os marias. Se o resultado contra elas no Pacaembú tivesse sido diferente, eles não seriam líderes, o Flu teria 52 pontos, nós 46, estava tudo aberto. Faltando nove rodadas, muita coisa ainda é possível.
O Cruzeiro ainda tem algumas pedreiras, o Grêmio no sul, o Galo (que é sempre forte no clássico), São Paulo (c), Corinthians (f), Flamengo (f), Vitória (f), Prudente (f), Vasco (c) e Palmeiras (c). Ou seja, uma tabela complicada. Com certeza o time perderá pontos nesses jogos.
O Fluminense, é o cavalo paraguaio do ano, coincidentemente está com Muricy e acontecendo o mesmo que o Palmeiras ano passado. Sem falar que também tem uma tabela complicada: Botafogo (c), Atlético-PR (f), Grêmio (c), Internacional (f), Vasco (c), Goiás (c), São Paulo (f), Palmeiras (f), Guarani (c).
O Corinthians, depois da saída do Adilson, acredito ter dado adeus a alguma coisa, tem tabela complicada também, enfrenta quem está na sua frente e tentando tomar seu lugar.
O Palmeiras, para mim, tem a tabela menos difícil dos que estão na frente. Os dois jogos mais difíceis, são os dois últimos, contra o Fluminense e o Cruzeiro. Temos o jogo com os gambás, mas esses são fregueses.
Muitos acham impossível, acho que seja bem difícil, ainda mais se formos avançando na Sul Americana.

Atuações


Deola: substituto de Marcos, com certeza! 9,5.
Marcio Araujo: errou tudo que tentou - 2,5.
Mauricio Ramos: partida GIGANTESCA, se não fosse ele, teríamos perdido - DEZ.
Danilo: jogou muito mal também - 2,5.
Gabriel Silva: causou o pênalti, mas no geral foi normal - 6.
Edinho: parou o meio de campo do Botafogo e ainda deu passes interessantes - 7,5.
Marcos Assunção: foi mediano - 6,5.
Tinga: boa partida tática, mas muito sem ritmo - 6.
Rivaldo: outro que foi mediano, está precisando de um pouco mais de sorte - 6,5.
Valdivia: não jogou. Mas levou o 3º amarelo se garantindo no jogo contra o corintinha - 3.
Kleber: garantido no clássico também, expulso, ao meu ver, injustamente, pouco fez - 6.
Lincoln: apenas o seu espírito entrou em campo, o corpo estava em outro lugar, não fez nada - 1.
Dinei: se tivesse feito o gol, levava 8, como não fez mais nada - 5.
Felipão: fez o básico, mexeu certo, com o que tem, está muito bom - 7.

Chuteira de Ouro: -

Continuar lendo -->

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Palmeiras 4 x 1 Avaí

Ganhamos! Mais 3 pontos, embolamos de vez o 2º Pelotão, estamos em 9º com 42 pontos (mesmo número de pontos do 8º e 7º), a 2 pontos do 4º, a 7 pontos do G3 e 10 do líder.
Não vi o jogo, apenas um VT, por isso não posso analisar muito a partida. O que pude ver foi que o Palmeiras, mesmo ganhando, jogou medianamente enquanto estava 0x0, a defesa do Avaí marcou muito bem Valdívia e Kléber deixando-os sem ação. Depois do empate, o Palmeiras resolveu jogar bola e partiu pra cima. Valdívia acertou um canhão de fora da área, lance que não é normal para ele, e então o placar ficou justo. Com 2x1 no placar o Avaí partiu pra cima e o Palmeiras começou a administrar e jogar nas costas dos volantes do Avaí.
O lance bizarro da partida, deu-se quando Valdívia recebeu lançamento na correria dentro da área e foi derrubado. Alguns dizem que não foi pênalti, para mim foi. É o típico lance que, no meio de campo seria marcado, dentro da área o juiz pensa duas vezes. Este não pensou e marcou.
Kléber bateu muito mal, no meio do gol, o goleiro do Avaí pegou tranquilamente, Kléber ainda correu em direção a ele, na esperança de um rebote, que não aconteceu, na dividida com o zagueiro Kléber caiu, o goleiro fazendo graça colocou a mão no rosto de Kléber e empurrou. Com força ou não, causando um traumatismo facial ou apenas sujando o rosto de Kléber, foi falta. Ou é preciso quebrar a perna do jogador, causar uma fratura exposta para ser falta? Foi uma agressão sim, sem força, mas foi agressão. Novo pênalti e a expulsão do goleiro empolgado. Agora Kléber bateu direito, e fez o gol.
Com 3x1 no placar foi ataque contra defesa. Perdemos gols feitos, na tentativa de fazer bonito. Gol bonito e gol feio tem o mesmo valor. No final, Gabriel, que cada dia está melhor, acertou outro canhão de fora da área, no mesmo canto onde Valdívia fez o gol.
De se destacar a grande partida do Valdívia, que volta a ser El Mago e a atuação do Palmeiras após o primeiro gol.
Acredito que mais 3 ou 4 rodadas estaremos no G3/G4.

Atuações


Deola: Perfeito. DEZ!
Vítor: foi regular até sair, contundido - 6.
Mauricio Ramos: primeiro tempo fraco, deixou os atacantes do Avaí dançarem na frente da nossa área - 5.
Fabrício: apreensivo no início, foi se soltando e jogou razoavelmente - 6,5
Gabriel Silva: cada dia está melhor e mais confiante, ainda vamos ver esse menino brilhar - 9.
Edinho: além de estar perdido, igual cego em tiroteio, fez um gol contra - 4,5.
Marcos Assunção: primeiro tempo ruim, não é bom marcador, está visto. Segundo tempo bem melhor e acumula mais uma assitência para gol. Pela média - 6.
Marcio Araujo: corre muito, obedece a tática e é só - 6,5
Rivaldo: outra boa partida - 7.
Valdivia: EL MAGO! EL MAGO! DEZ!
Kleber: O Gladiador! Está jogando muito e jogando sério. Está comprometido a ser o melhor atacante do Brasil e levar o Verdão ao seu devido lugar. DEZ!
Patrik: ajudou o ataque, foi bom no que tentou - 7.
Lincoln: deveria ter entrado mais sério, tentou fazer só jogo bonito - 6.
Pierre: S/N
Felipão: não tem um time dos sonhos nas mãos, está tirando leite de pedra. Estabeleceu um esquema tático e deu certo. Depende muito das atuações de Kléber e Valdívia. Está bom assim - 8,5.

Chuteira de Ouro: Valdívia e Kléber

Continuar lendo -->

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Quem é o melhor goleiro? Marcos ou Ceni

O Terra está fazendo uma pesquisa sobre quem é o melhor goleiro, Marcos ou Bambi-Ceni.

Vamos lá votar pessoal!!! Basta clicar aqui.

Até o momento, Marcos lidera, disparado com 81,77% dos votos.

Continuar lendo -->

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Santos 1 x 1 Palmeiras

Sim... eles voltaram... quem? Os empates!
Entretanto, podemos dizer que foi justo. O Palmeiras jogou muito até os 30 minutos do primeiro tempo. No segundo, infelizmente, só deu lambari.
Nosso meio campo, mais uma vez jogou muito bem e foi superior, com Valdívia jogando muita bola, contando com o apoio de Rivaldo (olhem como é o futebol) e Márcio Araújo.
E graças a esse, digamos, entrosamento, saiu o gol do Palmeiras. Márcio Araújo recebeu de Valdívia, que devolveu para Valdívia, o típico 1, 2, a defesa do Santos abriu para marcar as laterais, El Mago viu K30 entrando e só rolou... Kléber nem matou a bola, chutou de primeira, forte no alto. Santos 0 x 1 Palmeiras.
Depois disso, Vitor ainda acertou um "balasso" no travessão.
No segundo tempo, o Santos entrou melhor, graças a boa substituição de Pará por Zé Love, avançado. Com essa mudança, o Santos acabou matando nossas laterais, o que fez o Santos crescer no jogo e partir pra cima. Mas o gol deles não saiu de uma grande jogada, mas sim, na sorte. Alan Patrik, que tinha entrado no primeiro tempo, driblou 2, e bateu, fraquinho, sem pretensão, Danilo tentou cortar, colocou o pé como uma moça, a bola resvalou, matou Deola, e entrou fraquinha do lado direito, rente a trave.
Então Felipão resolveu mudar, todos esperavam a entrada de Lincoln, fazendo o trio ao lado de Valdívia e Kléber no ataque, eis que surge Patrickkkkk, que não fez nada, foi um cone em campo. Aí que demos mais espaço para o Santos que meteu a cara e foi pra cima. Linconl entrou, aos 40, no lugar de? Valdívia, que mais uma vez saiu reclamando. E foi só! Santos 1 x 1 Palmeiras

O que sinto, principalmente após esse jogo, é que Felipão está com medo de perder. Antes de tentar ganhar, nosso comandante não quer arriscar perder. Sejamos francos, o título, é praticamente impossível. Seria preciso muitos tropeços dos times da frente, e uma série muito grande de vitórias. O que, convenhamos, não é fácil. Ainda acho que Felipão faz umas substituições que só ele entende. Como nesse jogo, a entrada de Linconl seria melhor que Patrik, que não jogou, mais vez, nada.
Se Felipão alega que não tem pretensões no campeonato, grita aos 4 ventos que o título é quase impossível e que o G3 está muito longe, qual o problema de testar? De duas uma, ou essas declarações são para "cutucar" o elenco e despistar a impren$a diante de maus resultados (o famoso "eu disse...") ou então ele acha que ainda dá e por isso não está arriscando muito.

Atuações

Deola: a defesa está muito bem postada, por isso, pouco tem participado. Quando acionado, foi perfeito - 9.
Vítor: Não gostei. Jogou praticamente só na defesa, pouco desceu, fez muitas faltas. De proveitoso, um chute no travessão, mas chute no travessão, não vale gol - 4.
Mauricio Ramos: PERFEITO - 9,5.
Danilo: fez uma partida legal, mas como eu sempre digo, uma entregada por jogo, e nesse, foi gol - 7.
Gabriel Silva: quando não é preciso ficar para marcar é muito bom jogador, mas quando precisa marcar... - 5,5
Edinho: errou muitos passes, não sabe fazer a saída de bola. Não gostei - 5.
Marcos Assunção: um jogo bate muito bem as faltas mas marca mal, nesse marcou extremamente bem, mas foi infeliz nas cobranças. - 7.
Marcio Araujo: começa a se firmar como titular, mexe-se bem, a jogada do gol, começou com ele - 8.
Rivaldo: vale o clichê, futebol é uma caixinha de surpresas. Cada partida está melhor, não sente mais a pressão e começa a se encaixar - 6,5.
Valdivia: primeiro tempo em alto nível, segundo, sem apoio foi fraco. Reclamou mais uma vez de ter saído, isso não pode acontecer. Volte a jogar como antes (ou melhor) que para de ser substituido. Pelo segundo tempo e pela reclamação leva um - 6.
Kleber: para mim, é o melhor atacante em atividade hoje. Falta-lhe um companheiro, e aí, vai ser duro segurar ele - 9,5
Patrik: ele entrou? ZERO
Lincoln: S/N
Felipão: errou ao não colocar Lincoln mais cedo. Quando entrou com Patrik, era a vez do Lincoln. Tomara que ele seja sincero, que o time dele é para o ano que vem. Se não, é muita grana, mais uma vez, para nada. MAS vejo uma evolução no time - 4.


Chuteira de Ouro: Kléber

Continuar lendo -->